Publicado em 05 de dezembro de 2014

Natal: uma Igreja em saída

 

O Natal está chegando! Luzes, enfeites, propagandas, lojas cheias de novidades, crianças com olhos brilhantes esperando seus presentes, crianças com olhos tristes porque não sabem se haverá algo para comer amanhã! Para muitos Natal é só mais uma festa de família e presentes.

Afinal, Natal é presente ou presença? O comércio inverte tudo e investe tudo. O importante é vender! Mas para quem vive a fé na encarnação da Palavra eterna que saiu do Pai – Jesus – a visão é outra. O importante é a presença. Que presença? A presença de Jesus no meio de nós. O presente é o símbolo da presença.

A segunda pessoa da Santíssima Trindade nasce do ventre de Maria – a virgem imaculada, preparada pelo Pai para ser a mãe do seu Filho. Jesus sai da casa do Pai – o céu – e vem habitar na casa dos homens – a terra. Ele está no meio de nós. Ele é presença em nossa vida. É o grande presente do Pai para resgatar e alegrar o coração não só das crianças, mas de todos os seres humanos.

Primeiro, Jesus nasceu de Maria Santíssima por obra do Espírito Santo, agora, ele quer nascer no coração de cada pessoa por obra do mesmo Espírito. O Espírito Santo nos transforma através do sacramento da Penitência e nos dá um coração missionário.

Assim como Jesus não ficou no seio de Maria, mas saiu para entrar no coração de cada um de nós, através do anúncio da Boa Nova. Agora, ele quer inundar nosso coração de luz e nos ajudar a sair de nós mesmos para fazermos sua luz brilhar no coração dos nossos irmãos, sobretudo dos mais afastados.

Depois que o arcanjo Gabriel anunciou a Maria que ela seria a Mãe do Filho do Altíssimo, ela saiu para uma visita de ajuda à sua parenta Isabel que estava no sexto mês de gravidez de João Batista. Muitos – crianças, jovens, adultos, idosos – esperam a nossa saída ao seu encontro com uma palavra amiga, de esperança, de paz, com um gesto de ajuda como o de Maria.

Que aprendamos como Maria a sair para levar Jesus aos mais distantes, (quem sabe!) até com um presente, para marcar esta presença forte e transformadora do Menino Jesus dentro de nós.

Dom Emanuel Messias de Oliveira
Bispo diocesano de Caratinga (MG)

Fonte: CNBB