Notícia Publicada em 24 de outubro de 2015

Santuário de Nossa Senhora Aparecida de Bauru inaugura nova via-sacra

Obra foi pintada por pintada por Emília Ruivo

 

Nos primórdios do cristianismo, uma das principais formas de comunicar a fé era através de pinturas, ícones e esculturas, entre outras manifestações artísticas.

Ainda nesta quinta-feira (15), a arte ajuda a conhecer o Evangelho e a criar um ambiente especial para rezar e refletir. Por isso é mantida a tradição de colocar imagens da via-sacra no interior de igrejas católicas.

No dia 12 de outubro, data que celebrou Nossa Senhora Aparecida, o Santuário dedicado à Padroeira do Brasil em Bauru recebeu novos quadros com essa missão.

As obras, pintadas e doadas pela artista plástica Emília Ruivo, contam a trajetória de Jesus, da condenação, ao calvário e à ressurreição. São 15 telas, de 0,80×1,80, retratando cada uma das estações da via-sacra. Outra, de 2,00×0,90, contém uma espécie de catequese sobre a devoção à santa.

O painel lembra a aparição da imagem no rio e traz as fachadas da Basílica Nacional, em Aparecida, e do Santuário em Bauru. Vale muito a pena conhecer de perto.

Sob medida

As novas pinturas fazem parte do projeto de restauração do Santuário e os quadros foram devidamente planejados para manter a harmonia do lugar.

Inspirada em imagens cristãs e com a orientação do pároco, Emília Ruivo fez um verdadeiro estudo artístico e religioso para executar os painéis. “Daí foi usar lápis, borracha e tinta óleo, tudo à moda antiga!”, relembra.

A artista, natural de Bauru, também é professora e especialista em retratos no estilo realista, técnica empregada na via-sacra.

“Foi um desafio pelo prazo, de apenas quatro meses, e uma grande satisfação por emocionar as pessoas e levá-las a meditar em cada cena”, conta Emília.

“A arte sacra é um patrimônio cultural que não pode se perder, que ajuda a interiorizar e cultivar a espiritualidade. Um trabalho como esse também valoriza a arte como um todo, desperta a sensibilidade e motiva os jovens talentos”, completa ela.

Patrimônio

Para o padre responsável pelo Santuário de Nossa Senhora Aparecida em Bauru, Gilberto Gonçalves Pinto, a nova via-sacra é um presente à comunidade.

“As obras de arte contêm a expressão da artista, mas também de um povo, sua história, cultura e devoção”, avalia.

 “A arte ajuda os fiéis a rezarem, a conhecer a Palavra e fazer a experiência de Deus. Quando a pessoa passa pela via-sacra revive esse caminho com Jesus”.

De acordo com o sacerdote, a Igreja Católica é uma grande guardiã de obras de arte, tanto pelo valor artístico quanto pelo significado religioso.

“Os quadros da via-sacra estavam desgastados pelo tempo e deram lugar a esses novos painéis, mas não serão descartados. A intenção é restaurá-los e colocá-los em um minimuseu do Santuário, junto a outros itens que representam um patrimônio cultural e uma história de fé da nossa igreja”, destacou padre Gilberto.

Serviço

O Santuário Nossa Senhora Aparecida fica aberto todos os dias para visitação, oração e missas. Ele está localizado na praça Washington Luís, 4-51, no Centro de Bauru (ao lado do Poupatempo). Informações: (14) 3202-9031.

Texto: JC Cultura-Aline Mendes